Emenda de Aleluia assegura reforma no patrimônio da Igreja do Senhor do Bonfim

fff

O deputado federal José Carlos Aleluia (Democratas-BA) conseguiu incluir no Orçamento da União para 2017 uma emenda individual de R$ 600 mil que deve ser destinada à recuperação do altar-mor da Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, além de outras melhorias. A articulação foi feita junto ao vereador Alexandre Aleluia em diálogo com membros da Irmandade local.

O repasse será feito pelo Ministério da Cultura e é fundamentado pela importância histórica, cultural e turística do santuário, palco da mais importante festa religiosa de toda a Bahia. Aleluia articulou e sensibilizou representantes do governo federal ressaltando o alto valor imaterial que o patrimônio da igreja representa, não só para os baianos, mas para todo o Brasil.

“Estamos tratando da preservação de um dos maiores patrimônios culturais do Brasil. Assegurar a restauração e a preservação da Igreja do Senhor do Bonfim é assegurar que a história da Bahia seja respeitada. Chega desse negócio de usar o Ministério da Cultura para alimentar projetos de interesse político-partidário. Estamos redefinindo nossa diretriz cultural para algo que realmente merece a atenção e o cuidado do Estado”, comentou Aleluia.

A solicitação do deputado é fruto do diáogo que o vereador Alexandre Aleluia tem mantido com a congregação que zela pelo patrimônio do santuário. Desde o início das tratativas, Alexandre defendeu a destinação de recursos federais para que a igreja mantivesse a atual estrutura em respeito rigoroso à arquitetura de estilo neoclássico com a qual foi concebida. 

“A Igreja do Bonfim é um patrimônio construído ainda no Século XVIII e que se tornou símbolo de Salvador. Entrei nesse debate porque acredito que é minha função como vereador representar bem os interesses de nossa cidade também no âmbito federal. Felizmente, estamos trazendo esse recursos”, comemorou Alexandre.