Prefeito que não paga transporte escolar em Mucugê vai ser denunciado no MP – Deputado Aleluia

Prefeito que não paga transporte escolar em Mucugê vai ser denunciado no MP

750_201779125246438

O deputado federal José Carlos Aleluia (Democratas-BA) vai enviar um comunicado oficial ao Ministério Público para que apure a falta de pagamento do transporte escolar pelo prefeito de Mucugê, Manoel Luz (PSD).

O atraso constante no repasse aos funcionários está prejudicando o ano letivo dos estudantes da zona rural que sofrem com paralisações até mesmo em dia de prova. O deputado também denuncia que funcionários públicos e fornecedores também estão sem receber da Prefeitura.

“Crianças e jovens de Mucugê não podem ser responsabilizados pela desorganização de um prefeito que é incapaz de deixar as contas em dia. Não há motivos para que funcionários e fornecedores fiquem tanto tempo sem receber e o Ministério Público tem a obrigação de fiscalizar o descumprimento dos direitos da criança e do adolescente”, defendeu Aleluia.

Até no sábado de São João os mucugeenses tiveram que passar o constrangimento de ver bandas se negando a tocar por falta de pagamento. De acordo com Aleluia, que esteve em Mucugê no domingo (24/06), a má gestão do prefeito está inclusive impactando no turismo, principal potencial econômico da cidade, uma das mais belas da Chapada Diamantina.

“Sabemos que os calotes constantes a fornecedores também já deixaram o município sem crédito para comprar materiais na região. A situação dos funcionários de limpeza também é grave”, denunciou.

Professores
Outra denúncia que o deputado José Carlos Aleluia estuda acionar o Ministério Público é em respeito a contratação ilegal na área da educação.

“Quando um prefeito se nega a convocar concursados e até mesmo burlar a lei é porque ele quer manter o controle sobre os empregos da Educação. A pior forma de fazer política é usando nosso jovens como ferramenta eleitoreira”, criticou Aleluia.